Terça-feira, 29 de Maio de 2007

Melgaço

Hora de almoço, como sempre eu e a minha eterna companheira (solidão) almoçamos juntos, local? Melgaço, como estávamos pouco faladores, restou-me ouvir a conversa da mesa ao lado, um homem e uma mulher, ela consideravelmente mais nova do que ele (pensei num arranjinho quando os vi entrar, mas depois verifiquei que não, esta cabeça só pensa em maldades), falam do estado do país, que está tudo muito mau, que se calhar o melhor era mesmo imigrar, e ela diz:

-A classe média é que está pior.

-Pois cada vez mais se abre o fosso entre os ricos e os pobres. Diz ele.

-E os professores? eu estava a dar aulas, fazia (não sei quantos) km por dia para ir dar só (poucas, não me lembro ao certo) horas de aulas e trazia 400€ (se não me engano), quase só me dava para as despesas, por isso é que vim trabalhar para a empresa.

-Pois, eu acredito, mas nem todos se dão com a pressão que existe nas vendas.

-Pressão existe em todos os trabalhos, e eu já não me vejo fechada entre quatro paredes à frente de um écran de computador, gosto desta liberdade.

O resto da conversa, não interessa, só quero pegar nisto da liberdade, sim é verdade que é complicado lidar com a pressão que existe nas vendas, mas também tem coisas boas, uma das quais a possibilidade de se conhecer cidades, aldeias, vilas, lugares, tudo, inclusive, até ter uma namorada em cada cidade, como se pensa e diz que os vendedores têm (tenho a fama, falta-me o proveito), posto isto e almoço acabado, eu e a minha companheira pegamos na nossa máquina e resolvemos bater umas enquanto aguardamos a hora de abertura do cliente, subimos o monte para ver a paisagem e damos de caras com uns cavalos, à solta (liberdade, cá está ela), aproveito, paro o carro e toca a bater umas, deixo aqui uma amostra para partilhar convosco, subo mais um pouco, bato mais umas mas agora a umas paisagens de um verde tranquilo, desço e vou bater uma do ex-líbris da vila, dou um passeio a pé e vejo tudo muito limpo, muito bonito e calmo, descubro o Museu de Cinema de Melgaço, o Solar Alvarinho, e o resto fica para quando vocês lá forem fazer uma merecida visita.

Tantas vezes já lá tinha ido e nunca me tinha dado ao trabalho de conhecer melhor a vila, vale a pena, já agora levem a vossa máquina e batam umas.  

Espero que gostem.

música: This Is Not America - David Bowie
tags: ,
publicado por Rolandowsky Rasgakus às 00:00

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



*Eu

*pesquisar

 

*Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

*posts recentes

* 14 Fevereiro

* Norticias

* 80

* Más linguas

* Astrologia

* O fim, tão perto.

* A mala da Pepa

* 2013

* Cá está ela...

* O Gasparzinho

* Por Favor

* O tal capitalismo

* Ás vezes...

* Trocas

* Preciso de férias

*arquivos

* Fevereiro 2013

* Janeiro 2013

* Novembro 2012

* Outubro 2012

* Setembro 2012

* Agosto 2012

* Julho 2012

* Junho 2012

* Maio 2012

* Junho 2011

* Maio 2011

* Abril 2011

* Março 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

* Dezembro 2010

* Novembro 2010

* Outubro 2010

* Setembro 2010

* Agosto 2010

* Julho 2010

* Junho 2010

* Maio 2010

* Abril 2010

* Março 2010

* Fevereiro 2010

* Janeiro 2010

* Dezembro 2009

* Novembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

* Abril 2009

* Março 2009

* Fevereiro 2009

* Janeiro 2009

* Dezembro 2008

* Novembro 2008

* Outubro 2008

* Setembro 2008

* Agosto 2008

* Julho 2008

* Junho 2008

* Maio 2008

* Abril 2008

* Março 2008

* Fevereiro 2008

* Janeiro 2008

* Dezembro 2007

* Novembro 2007

* Outubro 2007

* Setembro 2007

* Agosto 2007

* Julho 2007

* Junho 2007

* Maio 2007

* Abril 2007

* Março 2007

*tags

* todas as tags

*links

blogs SAPO

*subscrever feeds